segunda-feira, 3 de agosto de 2009

O tombo


Na última sexta-feira eu não caí. Eu desabei, com tudo. Estávamos só eu, minha mãe e o Vítor em casa e eu na maior correria, arrumando um monte de coisas pra uma festinha que ia ter lá em casa. Precisava pegar uma bandeja em cima do armário e não pensei duas vezes: puxei a cadeira, subi e peguei. O problema não foi subir, foi na hora de descer. O capuz do meu vestido prendeu na geladeira, eu me desequilibrei e vim pro chão, com tudo.

Voei pro meu quarto e deitei na cama, o quadril doendo mais do que tudo. Catei meu livro "O que esperar quando você está esperando", fui ler a parte de tombos. E mandava observar se estava saindo sangue. Não, nada de sangue. E se estava saindo líquido amniótico. Também não, tudo sequinho. Então me tranquilizei e fiquei lá deitada mais um pouco, esperando o quadril parar de doer.

Minha mãe, claro, fez questão de contar pra Deus e o mundo no dia seguinte. E, claro, todo mundo queria brigar comigo, só faltaram me chamar de irresponsável. O que é que as pessoas pensam? Que eu subi na cadeira pensando em me jogar? Que eu queria cair de lá de cima? Acontece que tem coisas que precisam ser feitas e, na hora, nem sempre a grávida se lembra que seu desempenho não é mais o mesmo. Não é teimosia, não é irresponsabilidade. Simplesmente ela não se lembra o tempo todo que o corpo não acompanha mais a mente.

Bem, mas o meu problema foi mesmo muscular. Só dói quando estou deitada, lá do ladinho do cóccix. Nem vou ao ortopedista, porque já fiz isso há cerca de 3 meses e saí de lá frustrada. Não posso tirar raio x (isso eu já sabia), não posso tomar remédios pra dor e não posso fazer fisioterapia. Já que ele vai me dizer pra aguentar a dor, isso eu já estou fazendo agora, não preciso que me digam isso. Dia após dia a dor está diminuindo, então agora é aguardar...

5 comentários:

Luciana Boury disse...

hahah SIM, ele vai te dizer pra aguentar a dor! eu quebrei meu coccix ano passado e agora as dores que sinto são TERRÍVEIS! parece que quebrei hj meu coccix, eu travo na cama, o gab tem que me carregar pra eu levantar. mas tenho que aguentar! é o que todos os medicos dizem. menina, cuidado..eu tbm vivo subindo em cadeiras e banquinhos aqui pra pegar as coisas pq afinal se vc nao faz, ninguem vai fazer na hora que vc quer e são coisas bobas. rs mas eu entendo vc...só tome cuidade pelo amor!! esses dias tbm quase levei o maior tombo qdo pisei no molhado aqui, fiz um espacate mas consegui me equilibrar. rs

umponto disse...

Da Mari, eu caí depois de um choque no ferro elétrico quando estava passando as roupinhas dela, três dias antes do parto. Para mim o susto, para ela nadinha. E la se vão 19 anos convivendo com essa moleca.
Fica bem!
ps:
não recebi o email do chá.
ainda to de molho. mas agora na fase fisioterapia.
saudade.

Mamãe da Alice disse...

Amiga, esperar a dor passar é mesmo a decisão mais sábia... e deletar tudo o que te falaram, tb! As pessoas não entendem que apesar de grávidas, nossas vidas continuam, a casa precisa ser limpa, a roupa lavada, comida a ser feita... aqui em casa, se deixar por conta do maridão, não se troca toalhas e lençóis, o banheiro fica igual ao de rodoviária... realiza só! Fala sério!

BLOG DA GRÁVIDA disse...

Ouço muitooooos relatos de tombos de grávidas e todos terminam do mesmo jeito: a grávida assustadíssima e o bebê super bem. Como já tenho histórico de viver caindo por aí (a Terra roda e eu fico zonza kkk) tenho tomado cuidado desde o início da gravidez. Não subo em nada, ando prestando atenção exagerada no chão, tirei os tapetes do caminho, tomo banho de chinelo de borracha, parei de usar salto. Mas tem hora que é que nem você falou: esqueço dos meus limites. Quando alguma coisa precisa ser feita e o bicho "tá pegando", eu faço e só depois me dou conta do risco que corri... Você não pode passar NADINHA onde bateu ? Nem um gelolzinho, algo assim? Pelo menos uma bolsa de água morninha pra aliviar?

Saurabi disse...

lo bueno de todo esto es que resultaste ilesa, muchas de las mujeres que sufren un accidente durante este tiempo terminan con tratamientos a base de Generic Viagra, pero bueno lo mejor de todo es que tu y el bebe siguen bien.

  ©Template designer adapted by Ana by anA.